Temblante para blog







Pesquisar este blog:

IPRIMIR

Print Friendly and PDF

sexta-feira, 29 de julho de 2011

A RAPOSA E O CORVO

FÁBULA


A fábula é um texto narrativo em que os personagens são animais e que traz uma lição de moral. É um gênero textual em que a história personifica, em regra, animais.
As virtudes e os defeitos variam de acordo com o tempo e a situação em que o fato ocorre.

A RAPOSA E O CORVO

O corvo conseguiu arranjar um pedaço de queijo em algum lugar. Saiu voando, com o queijo no bico, até pousar numa árvore.
Quando viu o queijo, a raposa resolveu se apoderar dele. Chegou ao pé da árvore e começou a bajular o corvo:
— Ó senhor corvo! O senhor é certamente o mais belo dos animais! Se souber cantar tão bem quanto a sua plumagem linda, não haverá ave que possa se comparar ao senhor.
Acreditando nos elogios, o corvo pôs-se imediatamente a cantar para mostrar sua linda voz. Mas, ao abrir o bico, deixou cair o queijo.
Mais que depressa, a raposa abocanhou o queijo e foi embora.

Leitura e interpretação

1 - Quem são os personagens?

2 – Como se comportam?

3 – Onde vivem?

4 – Que comportamento humano está sendo criticado nessa fábula?
(   ) vaidade;     (  ) orgulho;   (   ) esperteza;   (   ) humildade.

5 – Qual dos provérbios a seguir melhor expressa a moral da fábula?

(   ) Quem ama o feio bonito lhe parece.
(   ) O operário incompetente  bota culpa na ferramenta.
(   ) A vingança tarda, mas não falha.
(   ) Mais cuidado com a língua do bajulador, que com a arma do perseguidor.

6 – Comente a moral da fábula.


Recadoseglitters.com











































Nenhum comentário:

Indique este blog a um amigo.